quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Editorial para 2015: seja Luz

Nestes tempos sombrios, é hora de irradiar nossa luz interior. Mostrar pra nós mesmos que podemos mais e que somos muito melhores do que imaginamos. É hora de admitir nossos defeitos, nossas falhas e esquecer um pouco os outros e seus defeitos. E irmos além do que achamos que podemos. A proposta pro blog neste ano é trabalhar com os assuntos mais luminosos possíveis, deixando as coisas tristes de lado - afinal, já temos tristeza demais no mundo. Sobretudo trabalhar nossa luz interior, que está sob escombros e entulhos da nossa vida. Que tal uma faxina?

Vejo as pessoas reclamando muito dos problemas. Mas muito mesmo, que até cansa! Indo além dos próprios problemas, as pessoas adoram reclamar dos problemas dos outros, dos problemas da sociedade como um todo. E não conseguem perceber algo primordial: nós causamos nossos próprios problemas. Se nossa vida está assim, se a sociedade é assim, é porque somos assim, nós escolhemos isso. Não vou ficar martelando isso na sua cabeça, até porque há pessoas que não acreditam nisso - e têm boas justificativas para tal. Fica o convite.

Chegou meu Power vs. Force, agora só falta tempo para ler e paciência pra estudar e elaborar os posts. Como eu já tinha dito anteriormente, a ideia seria postar sobre os 17 níveis de consciência abordados no livro, um em cada post, introduzindo e concluindo. Com certeza o conteúdo vai extrapolar disso, e provavelmente vou escrever 2, 3 posts sobre o mesmo assunto. Quero fazer ligações com outra obra que eu gosto muito, Mulheres que correm com os lobos, da Clarissa Pinkola Estés. Faz tempo que eu a li, e merece uma boa releitura.

Também vou continuar com as propostas de escrever sobre História, Reiki, níveis de consciência e afins. Só faltam mesmo oportunidades para publicar diversos posts sobre o assunto. Ou seja, aqui não faltará assunto em 2015 - fiquem ligados. Caso não queiram ficar vindo aqui ao blog todo dia, convido-os a assinar o feed por e-mail (não esqueçam de confirmar a inscrição clicando no link do e-mail que receberem!) e ler os posts na íntegra sem precisar acessar.

Penso em fazer um domínio para o blog. Algo que eu fazia antigamente, queria fazer novamente. Um domínio facilita muito na localização e na apresentação. Porém fico pensando se não vou largar tudo novamente - domínios são assinados anualmente, e parar de uma hora para outra poderia ser muito chato. Dessa vez não haveria migração para o wordpress, porque eu o acho melhor para blogs maiores, com muito mais conteúdo e com necessidade de muito mais recursos. Quem sabe no futuro?

Um assunto que penso em escrever aqui é sexo. Pelo que pesquisei na internet, eu teria que colocar o aviso de conteúdo impróprio para menores de 18 anos. Mesmo que eu apenas escreva sobre - sem imagens, sem vídeos, sem nada explícito ou apelativo. Ainda não me conformei com a ideia, já que crianças podem entrar em contato com pornografia quando bem entenderem. Agora para entrar em contato com informação e conhecimento, precisa ter um aviso de segurança. Estou pensando em fazer um blog sobre o assunto para resolver esta questão.

E você? O que quer para este ano? Quais são seus projetos, suas metas? Não acredita nisso, né? Eu entendo. Nós planejamos muito e fazemos pouco. Mas também não reconhecemos o que fizemos - e fazemos muita coisa ao longo do ano, quase nunca dentro do previsto. Então antes de virar o ano, vamos refletir sobre o que fizemos de bom e de ruim. E vamos agradecer - mais do que pedir. Só com consciência de que podemos fazer é que realmente faremos alguma coisa.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Ao clicar em enviar, aparecerá uma caixinha de confirmação.