terça-feira, 28 de maio de 2019

A diferença entre Postura e Estereótipo


Muitas coisas objetivas tornaram-se, ao longo do tempo, meros fatores de gosto. Acredito que as pessoas deixaram de sentir as filigranas da vida para se apegar em fatores quase binários: se não é isso, é aquilo, e acabou. Não se pensa mais em beleza como algo objetivo, real, mas como um conjunto de fatores baseados no gosto de alguém. O problema é que tudo está se tornando mera questão de visão, o que não é verdade. Para se ter uma ideia, até para escrever este parágrafo houve dificuldade: como explicar a questão de percepção como evolução, e não como limitação?

Pois bem, isso daria assunto para um post, mas o assunto em questão é como explicar a diferença entre postura e estereótipo. Aparentemente parecem coisas diferentes, mas ao dar exemplos, a pessoa com pouca percepção não consegue diferenciar, ou usa isso com má intenção. Como se a postura fosse mera expressão externa de alguma coisa, ou seja, um estereótipo dessa coisa. Esse é o ponto central da diferença: enquanto que o estereótipo é uma tentativa externa de expressar algo interno, a postura vem de dentro, faz parte da pessoa, é natural. Imitar uma postura é mera caricatura da mesma. Chega a ser engraçada.

Prestar atenção nisso permite perceber quando uma pessoa está sendo verdadeira ou não. É comum com uma pessoa que quer demonstrar um profissionalismo que não possui. Diferente de um profissional inseguro, que está a desenvolver a própria postura. Existe uma linha tênue entre a percepção intuitiva e a percepção lógica. Enquanto que a primeira é difícil ser explicada com palavras, apesar de abarcar a totalidade do que é percebido, a lógica acaba sendo a mais difundida, por ser de fácil transmissão. Infelizmente, essa perda de percepção transformaram coisas óbvias em relativas, e quem percebe o óbvio acaba caindo em descrédito.

Ter postura está ligado à questão de ser e não estar. Por isso que quando uma pessoa tenta copiar o estereótipo fica tão fraco, sem substância. Pessoas com postura possuem essa percepção mais afinada, não caindo facilmente na confusão com o estereótipo. Quem possui pouca percepção acaba sendo convencido facilmente por acreditar em quem não possui atitude e acaba utilizando-se de outros artifícios para manipular.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Ao clicar em enviar, aparecerá uma caixinha de confirmação.